6 tipos de consumidores. Qual deles é você?

Controle
Seus Gastos
Por Rodrigo Chiodi
Que tipo de consumidor é você? Quando entra numa loja, você gasta mais do que deveria, evita gastar qualquer centavo, fica reclamando ou não decide nunca o que quer levar?

Existem tipos diferentes de pessoas na hora de comprar e é sobre eles que a gente fala neste post. Aliás, o humorista Igor Guimarães fez um vídeo sobre os seis perfis que apresentamos a seguir. Você pode assistir ao vídeo, disponível no canal Pra Fazer Mais, do PAN, no final deste texto.
 

1. Gastão

Existem pessoas que entram numa loja e não compram uma calça: compram várias. São pessoas que, às vezes, gastam todo o salário em um shopping center.

Se isso acontecer uma vez ou outra na sua vida, tudo bem. Quem nunca exagerou num momento especial? Mas cuidado: se isso se tornar uma rotina, pode ser uma doença que precisa de tratamento. Segundo o Instituto de Psiquiatria
da Universidade de São Paulo (USP), 5% das pessoas sofrem da oniomania, que é popularmente conhecida como a doença do “comprador compulsivo”.

Então, fique de olho na frequência com que essas compras exageradas acontecem. Se forem o tempo todo, podem ser um mau sinal.

2. Desesperado

Ele é diferente do gastão porque gasta mais do que deveria, mas não é porque compra demais. É porque analisa pouco e até porque negocia pouco.

E por que o desesperado age assim? Porque está sempre com pressa. Se vê um produto, já quer logo comprar. Não olha em outras lojas para ver se existem outras opções melhores.

A Harvard Business Review, dos Estados Unidos, é uma das revistas de negócios mais importantes do mundo. Em um artigo publicado em 2014, ela listou os nove piores hábitos dos consumidores. Tomar a decisão apressada por preguiça de pesquisar aparece como o primeiro item da lista.

3. Caloteiro

Uma regra básica para ter uma boa vida financeira é não gastar mais do que você tem. Mesmo assim, as pessoas pegam emprestado para comprar as coisas. Esse é o caloteiro, que, às vezes, se enche de dívidas e depois se aperta para pagá-las.

Não é à toa que 67,4% das famílias brasileiras estão endividadas segundo dados da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) de julho de 2020. Ou seja, duas em cada três famílias no Brasil têm algum tipo de dívida.

4. Pão-duro

Existem vários nomes para esse perfil: muquirana, mão-de-vaca, pão-duro e outros mais. Não é preciso descrever muito. É o sujeito que não quer gastar.

Como já explicamos neste outro post, que também tem vídeo do Igor Guimarães, ter uma vida financeira regrada é saudável. Segundo um estudo feito no Canadá, 60% das pessoas são normais — ou seja, não são pães-duros. O problema começa quando as pessoas começam a sofrer na hora de gastar qualquer centavo. Isso pode significar um problema de comportamento parecido com o que apresentamos no item #1.

Aliás, curiosamente, o mesmo estudo descobriu que existem três pães-duros para cada dois gastões.

5. Reclamão

Ele nunca está satisfeito e reclama de tudo: do preço, da qualidade, da quantidade de parcelas. Tem gente que chega a reclamar até quando o produto está muito barato.

Quando você reclama porque realmente não está satisfeito com alguma coisa, ok, é normal. Mas cuidado: se você reclama sempre de tudo, isso pode fazer mal à sua saúde e até afastar as pessoas que gostam de você. E, o que é pior, na hora de comprar, o fato de reclamar muitas vezes não vai mudar nada. Foi esse o alerta que deu a psicóloga Thaís Petroff a uma reportagem do Metropoles.

“Reclamar é mais fácil do que tomar atitudes e mudar aquilo que desagrada”, diz Thaís. Ou seja, o ideal é argumentar, negociar e dizer coisas que vão levar a conversa a algum lugar favorável a você — e não reclamar apenas por reclamar.

6. Indeciso

Se você entrar na loja e não consegue decidir se leva ou não — mesmo quando você precisa comprar —, você tem o perfil do indeciso. Isso não apenas causa sofrimento mas também atrasa a sua compra.

Aliás, naquela mesma lista dos nove maus hábitos de compra criada pela Harvard Business Review, a indecisão aparece na terceira posição. Portanto, tome uma decisão e seja feliz.