Aneel aumenta bandeiras tarifárias da conta de luz

Preço da energia elétrica, no entanto, não irá subir num primeiro momento

Controle
Seus Gastos
Por Redacao PAN

 

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) aprovou novos valores para as bandeiras tarifárias, a partir de julho. As quantias valem até junho de 2023. O maior reajuste chega a 64%.

Pela proposta aprovada, as tarifas ficam da seguinte maneira: 

  • Bandeira verde: continua sem cobrança adicional;

  • Bandeira amarela: vai de R$ 1,874 para R$ 2,989 a cada 100 kWh (59,5% de reajuste);

  • Bandeira vermelha patamar 1: de R$ 3,971 para R$ 6,500 a cada 100 kWh ( 63,7%);

  • Bandeira vermelha patamar 2: de R$ 9,492 para R$ 9,795 a cada 100 kWh (3,2%).

O maior reajuste, portanto, é da bandeira vermelha de patamar 1. A bandeira verde segue sem cobrança adicional na conta de luz.

Conta de luz não vai aumentar agora

Apesar do reajuste, a conta de luz ainda não vai aumentar. Isso porque a bandeira tarifária de energia elétrica em junho é verde para todos os consumidores, conforme decidiu a Aneel. Ou seja, sem cobrança extra. 

Aliás, este já é o segundo mês seguido de bandeira verde desde o fim da bandeira de escassez hídrica, a mais alta de todas, criada para superar a maior seca dos últimos 91 anos.

Como funciona o sistema de bandeiras tarifárias

As bandeiras tarifárias são adotadas para sinalizar o custo da energia elétrica. Elas ajudam o consumidor a saber em que pé está o valor da conta de luz.

Existem bandeiras tarifárias nas cores verde, amarela e vermelha, esta última em patamar 1 e 2. Elas indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.

Funciona assim: com a seca (falta de chuvas), a geração de energia nas usinas hidrelétricas fica comprometida. Por isso, é preciso acionar as usinas termelétricas, cujo custo de produção é mais elevado. 

No final, esse custo é repassado ao consumidor, conforme cada bandeira.

A boa notícia para você e para o seu bolso é que, agora, as condições de geração de energia estão mais favoráveis. Por isso, a Aneel estipulou a bandeira verde, sem nenhuma cobrança extra na sua conta.

Veja como funciona o sistema de bandeiras tarifárias:

Alt Infográfico mostra as bandeiras tarifárias de energia elétrica (verde, amarela e vermelha, esta última de patamar 1 e 2)

 

 

Agora que você já viu os novos valores e sabe como funcionam as bandeiras tarifárias, está na hora de saber também como poupar uma grana com a conta de luz. Confira algumas dicas.