Cuidado para não cair em presepadas por falta de planejamento financeiro

Controle
Seus Gastos
Por Rodrigo Chiodi
O humorista Igor Guimarães gravou um vídeo para o canal #PraFazerMais, do Banco PAN, falando dos perrengues que já passou na vida por falta de planejamento financeiro. Ou seja, perrengues em que só o Igor é capaz de se meter. Confira!



Das histórias contadas ali no video, tiramos três lições para você evitar arrumar encrencas parecidas para a sua vida.

 

1. Pesquise melhor os preços

Antigamente, ok, você até pagava mais caro por alguma coisa porque não sabia onde tinha o mesmo produto com preço menor. Mas hoje é só pesquisar na internet e comparar as várias lojas online.

Existem até sites que fazem a comparação de preços para você. Duas opções conhecidas são o Buscapé
e o Bondfaro.
Outra dica é o próprio Google, que também mostra a comparação se você fizer a busca por um produto com a palavra “preço” do lado. Por exemplo, se você estiver comprando uma bicicleta, procure por "bicicleta preço”. No resultado, aparecerão links para várias lojas, já mostrando os preços de cada uma. É a mesma coisa para uma televisão: "TV led 32 polegadas preço". E por aí vai.

Mesmo que você esteja no shopping, é só tirar o celular do bolso e fazer uma busca pelo produto. Então, não tem desculpa para não encontrar o produto mais barato!

2. Aproveite promoções

Por definição, promoção é sempre por tempo limitado e, claro, com preços mais baixos que os normais.
As pessoas que aproveitam promoções são aquelas que sabem que precisam comprar alguma coisa, mas não têm pressa. Ficam com a ideia na cabeça e, quando pinta a oportunidade, não desperdiçam.

Por exemplo, imagine que você esteja pensando em comprar uma calça. Você fica só de olho nas promoções da loja, sem pressa. No dia em que pinta a promoção, você vai lá e aproveita.

Ou pode ser também alguma oportunidade no dia a dia. Quando vai ao supermercado, você vê um produto em promoção, do tipo "compre dois, leve três". Nessa hora, é importante você saber qual é o preço normal só para ter certeza de que a promoção realmente vale a pena.

Quem faz isso com frequência acaba economizando um bom dinheiro no final de um ano inteiro.

3. Comprar coisa inútil

Levar para casa coisas que não estavam programadas ou, o que é pior, não cabia no orçamento, pode atrapalhar a sua vida de vez em quando.

Não estamos falando daquela compra que você planejou, economizou, batalhou e finalmente realizou. Pelo contrário: é aquela compra que aconteceu no susto — e que você nem sabe direito se vai ser útil.

Para evitar esse tipo de compra, tenha um planejamento financeiro bem feito. Tenha em mente quanto de dinheiro você tem destinado todos os meses para contas, para guardar e para lazer. Com isso, você vai sempre saber que esse dinheiro que você torrou vai sair de algum lugar.

E cuidado: se esses gastos não planejados acontecerem com muita frequência, é melhor investigar isso com mais atenção. Isso pode ser até um transtorno obsessivo, que normalmente precisa de ajuda médica.