Como funciona o saque-aniversário do FGTS e como fazer o seu

Essa grana pode ajudar a sair do aperto; veja como funciona o saque-aniversário

Mais crédito
para você
Por Rodrigo Chiodi

*Texto atualizado em 20.09.2021

Você já ouviu falar e sabe como funciona o saque-aniversário do FGTS? Ele é um dinheiro extra que pode chegar em boa hora.   

Essa é uma modalidade de saque do fundo de garantia para quem possui saldo no FGTS, que são as pessoas que trabalham com carteira assinada. Ele passou a vigorar em 2020.

Essa alternativa não anula outras possibilidades de saque do FGTS e é opcional. Além disso, caso você escolha fazer o saque-aniversário, mas queira mudar a opção, dá pra fazer isso depois de 2 anos. 

Por fim, quem decide pelo saque-aniversário ainda pode mexer na grana do fundo de garantia em algumas das situações previstas em lei, como no caso da aquisição da casa própria.

Entenda como funciona esse tipo de saque, qual o valor a ser recebido e, se você quiser, como aproveitar esse benefício.

O que é saque-aniversário do FGTS?

detalhe para mão de homem colocando uma moeda dentro de um porquinho. O homem é branco, usa camiseta manga curta azul e está desfocado ao fundo da imagem, aparecendo apenas do pescoço para baixo. Em destaque, um porquinho de porcelana branco à direita da foto, em cima de uma mesa de madeira

O saque-aniversário do fundo de garantia é a modalidade criada pelo governo para quem deseja sacar uma parte do valor que tem na conta do fundo de garantia todo ano, no mês do aniversário.

Essa possibilidade é diferente dos outros tipos de saques do FGTS, como o saque de rescisão, que permite a retirada do dinheiro nos casos de demissão sem justa causa, e o saque emergencial do FGTS, que funcionou em 2020.

O saque-aniversário é uma boa opção para quem deseja ter uma grana a mais no bolso todo ano, no mesmo mês de aniversário. 

Como fazer a opção pelo saque-aniversário do FGTS?

Para escolher pelo saque-aniversário do FGTS, você precisa ter carteira assinada ou possuir dinheiro no fundo de garantia, caso não esteja trabalhando com registro atualmente. Além disso, é preciso optar pela mudança, então se você não escolheu isso, continua com o saque-rescisão ativo.

Para fazer a mudança do saque convencional para a modalidade de aniversário, você só precisa:

  1. Acessar o aplicativo do FGTS pelo celular Android ou iOS ou utilizar o site do FGTS, entrar no internet banking da Caixa ou ir até uma das agências do banco;

  2. Fazer o login e senha ou criar o seu acesso, seguindo as instruções apresentadas na tela do celular ou computador. Se for na agência física da Caixa, seguir as instruções dos funcionários;

  3. No ambiente online (celular ou computador), ir na opção “saque-aniversário do FGTS”, que aparece na página principal;

  4. Leia as instruções, utilize a simulação de saque disponibilizada pela Caixa e, se estiver de acordo com as condições dos termos e condições de adesão, selecionar o ícone “Li e aceito os termos e condições” e, depois, clicar no botão “Optar pelo saque-aniversário”.

Qual o calendário do saque-aniversário?

O FGTS montou um calendário para que todos os trabalhadores possam sacar a grana do fundo de garantia, caso tenham optado pelo saque-aniversário. Se o dinheiro não for retirado no período, ele volta para a sua conta do FGTS.

O calendário para 2021 é este:

infográfico mostra calendário do saque aniversário 2021 com as seguintes datas: nascimento Janeiro, saque entre 4 de janeiro de 2021 e 31 de março de 2021; Fevereiro, entre 1º de fevereiro de 2021	e 30 de abril de 2021; Março:	 1º de março de 2021	e 31 de maio de 2021; Abril: 1º de abril de 2021 a 30 de junho de 2021; Maio, 3 de maio de 2021 a 30 de julho de 2021; Junho, de 1º de junho de 2021 a 31 de agosto de 2021; Julho, de 1º de julho de 2021 a 30 de setembro de 2021; Agosto, de 2 de agosto de 2021 a 31 de outubro de 2021; Setembro, de 1º de setembro de 2021 a 30 de novembro de 2021; Outubro, de 1º de outubro de 2021 a 31 de dezembro de 2021; Novembro, de 1º de novembro de 2021 a 31 de janeiro de 2022; Dezembro, de 1º de dezembro de 2021 a 28 de fevereiro de 2022

Qual o valor do saque-aniversário?

detalhe para mão masculina segurando notas de 100 reais e 50 reais

Quem escolher pela retirada de parte do valor do FGTS por meio do saque-aniversário pode retirar um percentual desse saldo, que vai ser somado a uma parcela adicional. A regra é:

  • Saldo de até R$ 500,00: alíquota de 50% e sem parcela adicional.

  • Saldo de R$ 500,01 a R$ 1.000,00: alíquota de 40% e parcela de R$ 50.

  • De R$ 1.000,01 a R$ 5.000,00: alíquota de 30% e parcela de R$ 150.

  • De R$ 5.000,01 a R$ 10.000,00: alíquota de 20% e parcela adicional de R$ 650.

  • De R$ 10.000,01 a R$ 15.000,00: alíquota de 15%, mais parcela de R$ 1.150 .

  • De R$ 15.000,01 a R$ 20.000,00: alíquota de 10% e parcela de R$ 1.900.

  • Acima de R$ 20.000,00: alíquota de 5% e parcela adicional de R$ 2.900.

Por exemplo, imagine que alguém tem no fundo de garantia R$ 9 mil. A pessoa entra na alíquota de 20%. Fazendo as contas, 20% de R$ 9 mil dá R$ 1.800. Além desse valor, tem a parcela adicional de R$ 650. Então, a pessoa vai sacar R$ 2.450.

Outro exemplo: uma pessoa tem R$ 16 mil de FGTS. A alíquota, neste caso, é de 10% (R$ 1.600) e ainda tem a soma da parcela adicional de R$ 1.900. Então, no mês de aniversário, o trabalhador desse exemplo poderá retirar do fundo de garantia R$ 3.500.

É um dinheiro que você pode usar para montar sua reserva de emergência, por exemplo.

Os valores ficam disponíveis para serem retirados entre o 1º dia útil do mês de aniversário até o último dia útil do 2º mês após a data. Se você nasceu em junho, pode sacar a grana entre 1º de junho e 31 de agosto, por exemplo.

O saque aniversário influi nos outros tipos de saque?

A resposta é sim, ao menos em um deles. Quem escolher o saque-aniversário não poderá retirar todo o dinheiro da conta no caso de demissão sem justa causa.

Nessas situações, a pessoa ganha a multa rescisória de 40% paga pela empresa, mas o saldo do FGTS não pode ser retirado.

Por outro lado, quem escolher o saque-aniversário poderá movimentar a conta do fundo de garantia em outras hipóteses previstas em lei, como na aquisição da casa própria, em caso de aposentadoria ou de doenças graves.

Agora que você já viu como funciona o saque-aniversário do FGTS, avalie se é a melhor opção para os seus objetivos e para a sua realidade. 

Quem faz a opção pelo  saque-aniversário pode pedir um empréstimo com garantia desse recurso. Cliente do Banco PAN consegue contratar a antecipação de 5 parcelas do saque-aniversário do FGTS de maneira totalmente digital. Confira!