INSS paga 13º a quem recebe mais de 1 salário mínimo

1ª parcela do 13º salário de aposentados e pensionistas começa a ser depositada

Renda
Extra
Por Rodrigo Chiodi

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) começa a pagar a partir desta terça-feira (1º) a 1ª parcela do 13º para aposentados e pensionistas que recebem mais do que 1 salário mínimo (R$ 1.100 em 2021). Os pagamentos vão até o dia 8. 

Os depósitos serão feitos de acordo com o número final do benefício. Veja abaixo o calendário dos depósitos desta 1ª parcela:

Calendário de pagamento da 1ª parcela do 13º salário do INSS para quem ganha mais de 1 salário mínimo

Já os pagamentos para quem ganha até 1 salário mínimo começaram na última terça-feira (25). Naquela ocasião, foram contempladas as pessoas cujo número final do benefício terminava em 1. Veja abaixo como ficou o calendário para esses beneficiários:

Calendário de pagamento da 1ª parcela do 13º salário do INSS para quem ganha até 1 salário mínimo

Governo antecipou pagamento

Homem mexe em sua carteira; na imagem aparece apenas as mãos dele e o tronco de seu corpo

O pagamento do 13º salário do INSS costuma ocorrer em julho, mas o governo federal antecipou neste ano para tentar reduzir os impactos econômicos causados pela pandemia.

As parcelas do 13º salário do INSS estão sendo creditadas na mesma data em que ocorrem depósitos de aposentadorias, pensões por morte e demais benefícios do órgão, seguindo o decreto publicado no Diário Oficial da União no último dia 5.

A medida é uma forma de injetar dinheiro na economia e proteger camadas mais vulneráveis da população, de acordo com nota divulgada pela Presidência da República à época da edição do decreto.

O mesmo texto informou que a antecipação do pagamento não significaria um acréscimo nas despesas previstas para o ano. Isso porque se trata apenas de uma antecipação, e não de um gasto extra.

O governo federal estimou que a medida vai injetar R$ 52,7 bilhões na economia do país.

Quem tem direito a receber o 13º do INSS

Senhora de óculos sorri em pé no meio de uma sala

Tem direito ao 13º salário do INSS quem recebeu durante 1 ano: aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio acidente, auxílio reclusão. 

Se o fim do benefício estiver previsto para uma data anterior a 31 de dezembro deste ano, será pago o valor proporcional do abono anual. 

Aposentados e pensionistas que passaram a receber o benefício depois de janeiro também terão o valor calculado de maneira proporcional ao número de meses em que terão direito à aposentadoria ou pensão neste ano.

O desconto no Imposto de Renda, quando devido, será feito na 2ª parcela.

A  tributação varia conforme a idade. O segurado de até 64 anos paga Imposto de Renda se receber acima de R$ 1.903,98. De 65 anos em diante, a tributação só é cobrada para benefícios superiores a R$ 3.807,96.

O 13º pode ser uma oportunidade de fazer uma reserva de emergência, começar a guardar dinheiro e fazer investimentos. Também pode servir para pagar dívidas e, assim, equilibrar seu orçamento.