Quer ter um ano novo econômico? Saiba como se divertir sem comprometer as finanças

Confira algumas dicas para aproveitar o réveillon e economizar ao mesmo tempo

Controle
Seus Gastos
Por Redacao PAN

Aproveitar o réveillon sem gastar muito é uma meta para muitos brasileiros. Afinal, trata-se de um período em que as chances de extrapolar nos gastos são grandes. O que pode ser um tiro no pé. 

Isso porque coincide dois momentos delicados para o bolso do consumidor: o fim e o início do ano. Em dezembro, muitas pessoas estão bem próximas ao limite de gastos anual. Em janeiro, precisam se planejar para os gastos regulares típicos do período, como IPTU, IPVA e taxas escolares. 

É por essa razão que é muito importante planejar e manter as contas em dia na virada do ano. Sem abrir mão, é claro, de se divertir em uma das mais importantes comemorações do calendário. 

Se você quer saber como aproveitar o réveillon sem gastar muito, continue a leitura. No texto a seguir, confira algumas dicas para aproveitar a virada do ano sem perder o controle das finanças. 

Afinal, como aproveitar o réveillon sem gastar muito?

Quando o réveillon se aproxima, é comum pensarmos em festas. Nas propagandas e programas de TV, pessoas se reúnem em hotéis de luxo, coberturas de prédios à beira da praia ou restaurantes caríssimos para realizar um brinde à meia-noite. 

Mas essa não é a realidade da maior parte dos brasileiros. E nem precisa ser. A verdade é que, para comemorar a virada do ano, não é necessário gastar rios de dinheiro. 

A seguir, veja algumas dicas para economizar no réveillon e vivenciar momentos inesquecíveis com as pessoas que você ama.  

1. Opte por reuniões caseiras

Mulher e duas crianças sorriem enquanto seguram velas de faíscas. Os três estão vestidos de branco, sugerindo uma festa de réveillon.

As reuniões caseiras são ótimas opções para quem quer aproveitar o réveillon sem gastar muito e se divertir ao lado dos familiares e amigos. 

Aqui as alternativas são infinitas. As atividades podem variar de uma longa noite regada a jogos de cartas e tabuleiro a maratonas de séries. O mais importante é compartilhar os bons momentos para começar o ano com o pé direito. 

Nesse caso, vale a pena dividir as responsabilidades. Uma pessoa pode ficar responsável pelos salgadinhos, outra pelas bebidas em geral, a depender do gosto e costume de quem vai participar da celebração. Caso o cardápio escolhido inclua uma ceia, a mesma lógica se aplica. 

2. Quanto mais gente, menor o valor gasto 

Em reuniões particulares, a divisão de gastos cai muito bem. E, quanto mais pessoas entram na conta, menor o valor individual para cada um. 

Pense, por exemplo, no aluguel de um sítio. Se o valor total for de R$ 500,00, dividido para cinco pessoas, cada uma pagará R$ 100,00. Mas, se adicionarmos apenas mais três convidados, o valor por pessoa cai para pouco mais de R$ 60,00. 

Esse fundamento também funciona em outras ocasiões. Ou seja, é sempre válido lembrar que a partilha não é bom somente para confraternizar, mas também agrada ao bolso. 

3. Explore localidades mais próximas

Boa parte das pessoas acreditam que, para comemorar o réveillon em alto estilo, é preciso fazer viagens para lugares longínquos. Mas, muitas vezes, locais próximos oferecem ótimas opções de lazer para a virada do ano. 

Se você parar para pensar, certamente encontrará um passeio agradável nos entornos da sua cidade ou bairro. E é claro, por um valor acessível. Sendo uma festa tão popular, existem muitas opções pelo Brasil. 

Se fizer questão de viajar, uma opção para economizar é fazer os chamados “bate-e-voltas”, evitando gastos com estadia. 

4. Reaproveite as sobras do Natal 

Sobre um prato, há pedaços de frango cortado, farofa e uma batata cortada ao meio. 

A fartura do Natal muitas vezes tem consequências. Uma delas são as sobras, que são distribuídas entre familiares ou, pior, desperdiçadas. 

No entanto, você pode reaproveitá-las na festa de réveillon. Afinal, são confraternizações separadas por apenas uma semana. Assim, é possível economizar. 

Em alguns casos, é válido já se planejar antes do Natal. Ou seja, realizar todas as compras simultaneamente para aproveitar descontos e promoções para ambas as festas. 

5. Aproveite a natureza

A natureza tem muito a oferecer para aqueles que desejam economizar na virada do ano. Além de gerar boas experiências, as belezas naturais apresentam paisagens deslumbrantes. 

Praias e cachoeiras são apenas alguns exemplos. Mas é claro que você pode explorar outras possibilidades: mirantes, lagoas, cavernas ou simplesmente no meio do mato em volta de uma fogueira com os amigos, a depender das preferências das pessoas que vão participar. 

6. Descanse

Uma mulher se espreguiça sentada na cama. As janelas mostram uma bonita paisagem do lado de fora, com árvores espaçadas. 

As pessoas costumam se reunir para comemorar durante o réveillon. No entanto, não há nada de errado em simplesmente descansar nessa época do ano. 

Afinal, essa é uma questão pessoal. Uma boa noite deitado, com os pés para cima enquanto ouve uma música pode ser tudo que você precisa para aproveitar a passagem. E o melhor: sem gastar muito. 

Essa é uma programação que também funciona muito bem para casais. Casal que economiza junto cresce junto. 

Viu só como é perfeitamente possível aproveitar o réveillon sem gastar muito? As opções estão aí. Agora, tudo que você precisa é escolher uma delas e aproveitar a virada do ano sem comprometer as finanças. 

Se você gostou deste texto, veja também 10 lugares baratos para passar férias no Brasil.