Como aproveitar os descontos online sem cair numa furada

Mais crédito
para você
Por Rodrigo Chiodi
Você de repente recebe um email ou mensagem no WhatsApp com uma promoção imperdível. Ao clicar no link, abre o site que parece ser realmente da empresa que faz aquela oferta incrível. Você, então, preenche os seus dados pessoais, coloca o número do cartão de crédito com a senha. Em alguns casos, vem a promessa de que um email vai chegar com a confirmação da promoção. Em outros, aparece uma página de erro. "Lamentamos informar, mas você pode ter caído no golpe do desconto online".

Em 2017, por exemplo, mais de 100 mil pessoas foram enganadas com anúncios do cupom de desconto falso, conforme lembra o site Olhar Digital. Uma mensagem foi enviada oferecendo cupom de R$ 70 para uma rede de fast food famosa. Quando as pessoas abriam, elas pareciam ter entrado no site daquela rede. Acontece que o site era falso. O que os criminosos queriam era justamente roubar as informações pessoais de quem acreditava na promoção.

Naquele mesmo ano, um golpe parecido foi aplicado em cerca de 40 mil pessoas, que acreditaram ter recebido um cupom de R$ 100 para usar num aplicativo de carona.

Desconfie sempre

O primeiro passo para você evitar cair em golpes assim é prestar atenção ao site que você está acessando. Observe bem a URL, que é o nome técnico dado a endereços de internet — aqueles que começam com “http”.

No caso do golpe da rede de fast food, bastaria que as pessoas percebessem que elas não estavam navegando pelo site oficial da empresa, mas em uma página com uma URL que tinha um outro nome qualquer.

Para ter ainda mais certeza, elas deveriam ter acessado diretamente o site da empresa de fast food e verificado se havia alguma promoção de cupons de R$ 70 de desconto naquele dia. Iam descobrir que não havia e não teriam caído no golpe.

Outra dica importante é observar se existe a imagem do cadeado ao lado do endereço da empresa. Normalmente, os sites seguros têm um certificado de segurança, o que os sites criados para golpes não têm.

Veja, por exemplo, o cadeado no site do Banco PAN, onde você está agora:


O site do Serasa, inclusive, tem uma espécie de cartilha que ajuda você a tomar cuidados para evitar problemas em compras online. Extraímos de lá algumas dicas:
  • Procure no site que oferece a promoção as informações de contato, como telefone, email, redes sociais e chat. Pergunte se a promoção existe. Lembre-se: dados roubados são uma dor de cabeça enorme.
  • Fique de olho na certificação digital, com explicamos anteriormente neste post. Além disso, lembra o Serasa, observe se o endereço do site começa com “https” e não apenas “http”. Isso também é um indicador de segurança.
  • Atente à qualidade dos textos. Sites de golpistas costumam cometer erros de português que sites de empresas não cometem.
  • Leia a política do site. “Você conhecerá não só suas medidas de segurança como também seu sistema de trocas e devolução”, alerta o Serasa. 
  • Fuja de promoções mirabolantes. É aquele velho ditado: quando a esmola é muita, o santo desconfia. Então, quando os cupons forem muito vantajosos, cuidado. Eles podem ser apenas iscas para um golpe.