Conta de luz vai ficar mais cara em junho em todo o país

Aneel acionou a bandeira tarifária vermelha, que acrescenta uma taxa extra mais alta à fatura

Controle
Seus Gastos
Por Rodrigo Chiodi

As contas de luz de todos os consumidores do país vão ganhar uma taxa extra mais cara em junho. A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) informou que, em junho, será acionada a bandeira tarifária vermelha de patamar 2

Com isso, a cada 100 kWh de luz consumidos no mês, os consumidores vão pagar R$ 6,243 a mais, além do que seria a conta normal. Essa é a bandeira mais cara na escala da Aneel. 

A decisão foi tomada porque o mês de junho vai começar com os principais reservatórios das bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN) em níveis mais baixos em relação a anos anteriores.

Por esse motivo, deve acontecer uma redução na produção de energia hidrelétrica. E esse corte será compensado por aumento na geração de energia de termelétricas, que é mais cara. 

Entenda o sistema de bandeiras tarifárias

Quadro explica o sistema de bandeiras tarifárias de energia

A Aneel criou o sistema de bandeiras tarifárias para, segundo a agência, sinalizar o custo real da energia que é gerada. E há cobrança de taxas extras quando o custo é maior, o que acontece quando há necessidade de acionar mais usinas termoelétricas. 

Existem bandeiras tarifárias nas cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2). Elas indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.

Para a Aneel, as bandeiras deixam o preço da conta de luz mais transparente, e o consumidor pode “usar a energia elétrica de um jeito mais eficiente”.  

Algumas maneiras de economizar luz

Homem faz conta em calculadora em cima de mesa; à direita, uma casinha de papelão ondulado traz a tabela de eficiência energética

Com a bandeira vermelha de patamar 2 acionada, fica ainda mais importante economizar energia. Para isso, a própria Aneel dá algumas dicas. Veja abaixo.

Chuveiro elétrico

  • Tomar banhos mais curtos, de até 5 minutos;

  • Selecionar a temperatura morna no verão;

  • Verificar as potências no seu chuveiro e calcular o seu consumo.

Ar-condicionado

  • Não deixar portas e janelas abertas em ambientes com ar-condicionado;

  • Manter os filtros limpos;

  • Diminuir ao máximo o tempo de utilização do aparelho de ar-condicionado;

  • Colocar cortinas nas janelas que recebem sol direto.

Geladeira

  • Só deixar a porta da geladeira aberta o tempo que for necessário;

  • Regular a temperatura interna de acordo com o manual de instruções;

  • Nunca colocar alimentos quentes dentro da geladeira;

  • Deixar espaço para ventilação na parte de trás da geladeira e não utilizá-la para secar panos;

  • Não forrar as prateleiras;

  • Descongelar a geladeira e verificar as borrachas de vedação regularmente.

Iluminação

  • Utilizar iluminação natural ou lâmpadas econômicas e apagar a luz ao sair de um cômodo;

  • Pintar o ambiente com cores claras.

Ferro de passar

  • Juntar roupas para passar de uma só vez;

  • Separar as roupas por tipo e começar por aquelas que exigem menor temperatura;

  • Nunca deixar o ferro ligado enquanto faz outra coisa.

Aparelhos em stand-by

  • Retirar os aparelhos da tomada quando possível ou durante longas ausências.

Aproveite para descobrir também 7 maneiras para economizar dinheiro em casa que você nem imaginava.