Banco Central divulga novo calendário para a implementação do Open Banking

Funcionamento completo do sistema é previsto para 30 de setembro de 2022; saiba como funciona

Controle
Seus Gastos
Por Redacao PAN

 

O Conselho Monetário Nacional (CMN) e o Banco Central divulgaram um novo calendário para o Open Banking, com previsão de novas datas para o início de algumas funcionalidades do sistema, para o dia 30 de setembro de 2022. Inicialmente, o sistema   estaria completo em 15 de dezembro deste ano.

“Essa mudança visa conferir maior agilidade para adequações pontuais no cronograma por questões de ordem operacional para a adequação de processos e sistemas”, informou o Banco Central em nota.

Novo cronograma de implementação do Open Banking

A 1ª fase do Open Banking foi implementada no dia 1º de fevereiro. Com ela, os bancos podem compartilhar informações sobre produtos, serviços, canais de atendimento e localização de agências.  

A 2ª etapa do Open Banking, que envolve a troca de informações cadastrais e transações financeiras, continua com a mesma previsão para entrar em vigor: 15 de julho.  

Veja abaixo como ficou o cronograma de implementação do Open Banking, com a mudança anunciada pelo Banco Central:

  • 15 de julho de 2021: Início da fase 2, com a troca de dados de cadastros e de transações entre as instituições, como produtos e serviços associados às contas dos clientes.

  • 30 de agosto de 2021: Início da fase 3, com o compartilhamento de serviços de transferências pelo PIX.

  • 15 de dezembro de 2021: Início da fase 4, com a troca de informações entre as instituições sobre os demais produtos financeiros, como câmbio, investimentos, previdência e seguros.

  • 15 de fevereiro de 2022: Compartilhamento de serviços de transferências entre contas do mesmo banco e TED.

  • 30 de março de 2022: Compartilhamento do envio de propostas de operações de crédito a clientes que aderirem ao Open Banking.

  • 31 de maio de 2022: Compartilhamento de dados de clientes sobre demais operações financeiras, como câmbio, investimentos, previdência e seguros.

  • 30 de junho de 2022: Compartilhamento de serviços de pagamento por boleto.

  • 30 de setembro de 2022: Compartilhamento de serviços de débito em conta.

  •  

  • Leia também: Open Banking: como será a segurança do sistema?    

O que é o Open Banking?

Imagem foca nas mãos de uma pessoa, sendo que uma delas segura um cartão e a outra mexe no celular, que está sobre a mesa

Open Banking é um sistema que permite ao cliente bancário levar suas informações pessoais e bancárias para outra instituição.

Esse compartilhamento, que só será feito com o consentimento dos clientes, de forma segura e com total privacidade, trará novas oportunidades para consumidores e instituições financeiras.  

Para o cliente, mais liberdade na hora de escolher o banco de sua preferência. Para as instituições, a possibilidade de criar produtos e serviços que atendam necessidades de crédito específicas.