Vai reformar a sua cozinha? Veja dicas para economizar e evitar que ela fique mais cara do que você imaginou

Faça um planejamento para que as obras não fujam do esperado e estourem o seu orçamento

Controle
Seus Gastos
Por Redacao PAN

 

Realizar qualquer tipo de reforma já dá um trabalhão danado. Requer tempo, planejamento e calma. Afinal, o ambiente ficará com aquela carinha de “em construção” por um tempo. 

Para quem quer fazer a reforma da cozinha, todos esses cuidados, principalmente o planejamento, devem ser redobrados. A cozinha é um dos principais locais da casa, onde a gente guarda e prepara as refeições e toma aquele cafezinho com bolo durante a tarde.   

Por isso, se você está pensando em realizar a reforma da cozinha precisa se atentar a alguns detalhes para que ela não demore mais do que o previsto nem custe mais do que o planejado.  

Preparamos algumas dicas para te ajudar nessa missão. Pegue um papel e caneta e mãos à obra! 

Planeje o que você vai reformar

Imagem mostra as mãos de 2 pessoas que estão em pé apontando uma planta de imóvel sobre uma mesa; uma delas usa camisa xadrez e tem 1 lápis na mão, a outra está de casaco azul marinho e aponta com o dedo indicador

Pode parecer que estamos batendo na mesma tecla, mas o planejamento é a alma do negócio. Evite sair quebrando tudo sem saber o que de fato irá mudar. Lembre-se: a reforma da cozinha precisa ser rápida ou você ficará sem acesso ao cômodo por muito tempo. 

A ideia é trocar os azulejos? O piso? Os móveis? É preciso desenhar a sua reforma antes de iniciá-la. Assim, é possível descobrir o que será modificado, em quanto tempo e quanto tudo isso custará ao seu bolso. 

Outro ponto que deve ser considerado no planejamento é entender quais serão as etapas para a realização da reforma. Faça uma ordem e deixe tudo organizado, por exemplo:  

Etapa 1: Colocar o gesso no teto.

Etapa 2: Trocar o piso e todos os revestimentos necessários.

Etapa 3: Por último, pintar as paredes.

Além disso, na etapa de planejamento também é importante definir um limite para gastos. Quando fazemos uma reforma não pagamos apenas a obra em si. Alguns custos, já corriqueiros, podem aumentar ao decorrer do quebra-quebra, por exemplo, o consumo de água e luz.  

Veja como tudo isso caberá em seu orçamento mensal, sem atrapalhar as contas que você já tem para pagar. 

Faça uma boa cotação de materiais

Essa etapa precisa ser realizada com cuidado e paciência. Você precisa pesquisar os preços de todos os materiais que serão utilizados na reforma da cozinha para encaixar tudo dentro do orçamento estipulado. 

Algumas coisas podem ter variação de preço entre lojas, mas outros materiais terão praticamente o mesmo valor. É importante, também, se atentar à qualidade do material utilizado na reforma para evitar futuros problemas de estrutura. Vale lembrar daquele ditado: o barato pode sair caro.   

Se tiver dúvidas, converse com algum profissional especializado em reformas para entender como escolher os melhores materiais para a sua obra. 

Escolha os profissionais certos

Imagem mostra as mãos de 2 pessoas que estão apertando as mãos sobre uma mesa em que há uma planta de imóvel e um notebook; ao fundo, desfocado, o corpo de uma 3ª pessoa que segura uma pasta

Aliás, falando em profissionais, na etapa de cotação, inclua na conta  o valor a pagar ao profissional que fará a obra.  

Nessa etapa não dá para focar tanto na pechincha. É claro que todo mundo gostaria de pagar menos Porém, é importante levar em conta que o preço cobrado pelo profissional vai ser baseado no tipo de obra que você quer realizar. 

Cumpra os prazos para evitar retrabalho 

Já dizia o ditado: “quem tem pressa, come cru”, por isso, é importante que você tenha paciência e cumpra exatamente os prazos estipulados na etapa de planejamento. 

Não tente economizar realizando mais de uma etapa por vez.  Isso só vai deixar as coisas bagunçadas e, no fim, os prestadores de serviço podem acabar atrapalhando uns aos outros. 

Imprevistos na reforma: como prevenir

Quando o assunto é reforma, imprevisto deveria se chamar previsto. Não dá para saber o que realmente vai acontecer, mas é possível esperar que algo diferente do planejamento irá acontecer uma hora ou outra. 

Não fique triste com imprevistos, sejam eles pequenos ou grandes. Essas coisas acontecem. 

Para não sentir tanto o impacto, é possível montar uma lista com a maioria daquilo que pode acontecer e entender como solucionar de forma mais rápida e prática. Por exemplo:

Cano perfurado: lista de encanadores e empresas que podem consertar com agilidade para não atrasar muito o cronograma da obra; 

Azulejos quebrados: isso pode acontecer: algum deles pode cair, quebrar e você terá de repor. Já separe uma grana extra para esse imprevisto. 

A ajuda do profissional será preciosa para montar essa lista de “imprevistos”. Mas é importante saber que outros acontecimentos fora do planejado podem ocorrer durante a obra, mantenha a calma e tente solucioná-los rapidamente. 

Material para a reforma deve ficar organizado

Foto mostra materiais de construção sobre um tanque de areia; há 3 mangueiras amarelas de colocar fiação elétrica enroladas à esquerda, uma pila de tijolos no meio e um carrinho de mão apoiado sobre a pilha; à direita, um monte de areia e, ao fundo, vários canos

Imagine que você está preparando um jantar: se deixar todos os ingredientes espalhados e sem organização e limpeza, as chances de o resultado final ser um desastre são grandes. O segredo de todo bom cozinheiro é uma bancada limpa e organizada para que o processo flua de forma tranquila. 

O mesmo se aplica quando estamos falando de uma obra. Não dá para deixar tudo jogado e sujo pelo caminho e limpar só quando estiver pronto. 

Manter o local de obra sujo e desorganizado só vai dar mais dor de cabeça e pode gerar custos adicionais. Imagine que, no meio da bagunça, algum material suma Com a organização, você evita esse tipo de situação. 

Não precisa sair fazendo faxina pesada no final de cada dia, mas é importante que você deixe tudo da forma mais organizada possível. Assim, no início de cada dia, será mais fácil encontrar os materiais. 

Boa reforma!