Receita Federal libera consulta ao 1º lote de restituição do Imposto de Renda

Entrega da declaração do IR pode ser feita até o dia 31 de maio

Controle
Seus Gastos
Por Rodrigo Chiodi

A Receita Federal liberou nesta 2ª feira (24) a consulta ao 1º lote de restituição do Imposto de Renda. O pagamento será feito na próxima segunda-feira (31), na conta indicada pelo contribuinte. 

Serão contemplados neste 1º lote os contribuintes que têm preferência no pagamento (idosos e pessoas com deficiência), assim como aqueles cuja maior fonte de renda seja o magistério. Também devem ser contemplados os contribuintes que enviaram a declaração no início do prazo de entrega.

Este será o maior lote já liberado pelo Fisco. O valor total é de R$ 6 bilhões destinados a contas de 3,4 milhões de contribuintes.

As consultas poderão ser feitas pela página da Receita na internet ou pelo aplicativo Meu Imposto de Renda.

O contribuinte saberá se a sua restituição sairá no 1º lote, se a declaração ainda está sendo processada ou se existem pendências. Neste caso, as correções podem ser feitas por meio de uma declaração retificadora.

Prazo para entrega da declaração

Foto mostra notas de 100 reais distribuídas em uma superfície com uma moeda de 1 real por cima 

O prazo de entrega do Imposto de Renda neste ano foi inicialmente fixado em 30 de abril e, depois, prorrogado para 31 de maio. O Congresso chegou a aprovar um projeto de lei que estendia a data até 31 de julho, mas o presidente Jair Bolsonaro o vetou. Com isso, o prazo ficou mesmo sendo a próxima segunda-feira (31).

Mesmo assim, o cronograma das restituições foi mantido pelo governo federal. E, desde o ano passado, houve redução do número de lotes (de 7 para 5).

A expectativa da Receita Federal é que sejam entregues cerca de 32 milhões de documentos. Quem perder o prazo estará sujeito ao pagamento de multa mínima de R$ 165,74 e máxima de 20% do imposto devido.

A prorrogação do prazo ajuda a tomar mais cuidado com a declaração. Assim, evitar cair na malha fina. Em 2020, por exemplo, mais de 1 milhão de pessoas caíram nela. 

Assistente virtual para a declaração

Foto mostra um celular com a tela do assistente virtual da Receita Federal para a declaração do Imposto de Renda

A Receita criou um assistente virtual que orienta o preenchimento e envio da declaração. A ferramenta está disponível no aplicativo “Meu Imposto de Renda” –o mesmo que pode ser usado para consultar a restituição. 

Quem já tem o aplicativo instalado precisa atualizá-lo para ter acesso ao novo recurso. O procedimento é feito pelas lojas virtuais Google Play ou Apple Store.