SP dará auxílio a famílias que perderam parentes por Covid-19

Benefício terá 6 parcelas de R$ 300 cada e é destinado a famílias de renda mais baixa; saiba se você tem direito

Renda
Extra
Por Redacao PAN

O governo de São Paulo anunciou nesta terça-feira (29) o pagamento de um auxílio mensal de R$ 300 para famílias vulneráveis que perderam ao menos 1 integrante do núcleo familiar pela Covid-19 desde o início da pandemia.

O benefício de R$ 300 será pago em 6 parcelas, totalizando R$ 1,8 mil, entre os meses de julho e dezembro de 2021. O repasse estadual deve ser de R$ 20 milhões para custear o programa. 

Ao todo, o governo de São Paulo estima que o programa, batizado de SP Acolhe, vai beneficiar 11.026 famílias em todo o estado, com pagamento de 11.143 auxílios.

Quem tem direito ao auxílio em São Paulo

Homem de costas usando máscara coloca uma máscara no rosto de uma menina, em um ambiente ao ar livre

 

O auxílio será pago a famílias inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) com renda mensal de até 3 salários mínimos (R$ 3.300). 

O parente falecido pode ser pai, mãe, avô, avó, filho, filha ou outro, desde que pertença ao núcleo familiar. O programa considera qualquer estrutura familiar, menos a “unifamiliar” (com uma única pessoa).

Veja abaixo quais são os requisitos para ter direito ao benefício:

  • a família precisa estar inscrita no CadÚnico;

  • a família precisa ter renda mensal de até 3 salários-mínimos (R$ 3.300);

  • a família precisa ter perdido ao menos um parente vítima da Covid-19, desde que esse parente pertença ao núcleo familiar.

Vale-Gás em SP, Ceará e Maranhão  

Além do auxílio anunciado nesta terça-feira, o governo de São Paulo havia lançado, há cerca de 15 dias, o Vale-Gás, um programa de transferência de renda que vai pagar 3 parcelas de R$ 100, a cada 2 meses (entre julho e dezembro), para a compra de botijões de gás de cozinha. 

No caso do Vale-Gás paulista, as famílias devem estar inscritas no Cadastro Único e ter renda mensal por pessoa de até R$ 178,00. No entanto, para receberem o benefício, elas não podem fazer parte do Bolsa Família.

Para saber se poderá ser inserido no programa, o cidadão deve entrar no site oficial do vale- gás paulista e consultar se pode receber o benefício. 

Outros governos estaduais, como o do Maranhão e o do Ceará, também oferecem vale-gás para a população de baixa renda.