Profissões com maiores salários: veja quais são as tendências

Conheça algumas das profissões que tiveram destaque em 2020 e se tornaram promissoras

Renda
Extra
Por Redacao PAN

O mercado de trabalho sofreu uma transformação durante o ano de 2020. Muitas empresas precisaram se adaptar e criar soluções inovadoras em tempo recorde para superar o período de pandemia. 

Pesquisa da FIA (Fundação Instituto de Administração) mostrou que 46% das empresas entrevistadas tinham colocado ao menos parte de seus funcionários em home-office.

A possibilidade de trabalhar em casa trouxe mais flexibilidade para os funcionários. Mas, cerca de um ano depois da adoção da prática, pesquisa da Fundação Dom Cabral mostrou que o bem-estar dos profissionais foi afetado com a nova rotina. 

Com esse processo de mudança, algumas profissões ganharam mais destaque em 2020 e devem se manter em alta também durante 2021. 

Áreas de atuação como recursos humanos, tecnologia e digital figuraram entre as profissões com maiores salários, segundo o Estudo de Remuneração realizado neste ano pela empresa de recrutamento Michael Page. 

Profissionais precisam se atualizar para ganhar mais

Mulher sentada em frente a um notebook. A mão esquerda está em cima do teclado do notebook e com a mão direita ela faz anotações em um caderno.

Segundo o estudo, as empresas estão em busca de profissionais que tenham forte capacidade de se adaptar. 

Muito mais do que habilidades técnicas, quem deseja ter um perfil mais competitivo ao mercado de trabalho precisa, também, ter vontade de aprender, ser curioso, criativo e ter bom raciocínio lógico.

Profissões com maiores salários

O profissional de RH se tornou crucial durante a pandemia. Com os colaboradores em casa, o departamento teve de olhar diretamente para o bem-estar dos funcionários. 

Melhoria na rotina de trabalho, cultura de feedback, treinamentos, retenção de talentos e muitos outros pontos estratégicos fizeram parte da pauta anual desses profissionais. 

Além disso, o setor de tecnologia também passou por uma alta em 2020. Com a necessidade de criar novas soluções para o trabalho remoto, os profissionais de tecnologia foram peça importante em diversas empresas. 

Confira abaixo algumas das profissões com maiores salários: 

Recursos humanos

Homem e mulher conversando. Os dois estão usando máscaras cirúrgicas. Ele segura um caderno aberto e ela está abraçada a um notebook fechado.

O período de pandemia mostrou que os profissionais de RH precisam estar sempre prontos para gerenciamento de crise, além de ter uma visão de futuro e conhecimento de negócio. 

Posições como Recrutamento e Seleção ou Treinamento e Desenvolvimento devem estar em alta na área em 2021. 

Além disso, cargos gerenciais, como o de diretor de RH, também terão grande destaque nas empresas durante o período pós-pandemia. 

Os setores que mais buscam esses profissionais são os de tecnologia e atenção à saúde, justamente por conta do crescimento na demanda durante 2020. 

Os pagamentos tendem a variar com o nível de experiência e capacitação de cada profissional. 

Um diretor de RH, por exemplo, pode ganhar, em média, entre R$ 25 mil e R$ 45 mil. Trata-se de um profissional crucial em qualquer estratégia de pessoas, com uma ampla visão de negócio e resultados. 

Os recrutadores, por sua vez, podem receber entre R$ 4 mil e R$ 14 mil, dependendo do nível de experiência. 

Tecnologia

Homem sentado em frente a dois notebooks. Um dos notebooks está conectado a um monitor com dados de programação aparecendo nele. O outro notebook está ao lado com gráficos aparecendo na tela. 

O setor de tecnologia tem uma atuação importante no mercado neste período de pandemia. 

Novos programas, plataformas, tecnologias e até mesmo máquinas foram necessários para que as operações continuassem. 

Para 2021, é esperado que esse profissional se mantenha em constante atualização, aprendendo as novas tendências e vivenciando as inovações do mercado tecnológico.

É uma área que muda constantemente, por isso, o profissional precisa estar ciente de tudo o que está acontecendo para se manter competitivo. 

Engenharia e desenvolvimento de programas, dados e segurança de dados são algumas das áreas que mais crescem dentro da tecnologia. 

Bancos, varejo, e-commerce e logística são alguns dos setores que podem empregar mais profissionais de tecnologia. 

Salários nessa área podem chegar a R$ 35 mil, dependendo de tempo de experiência e conhecimentos. 

Finanças

Mesa de trabalho com alguns papéis, canetas, livros e uma calculadora. Uma pessoa está digitando valores na calculadora enquanto confere informações em um pedaço de papel.

Profissionais com uma visão ampla do mercado financeiro ganharam destaque em tempos de crise. 

Quem trabalha nessa área precisa ter um pensamento mais estratégico, visando melhores resultados. 

Um gerente de negócios, responsável por identificar lacunas nos processos financeiros dentro de uma empresa, pode ganhar até R$ 35 mil. 

Já um gerente fiscal que cuida das contas da empresa pode receber entre R$ 14 mil e R$ 20 mil. 

Mercado Digital 

Com o crescimento no consumo pela internet, a abertura ou melhoria de lojas online, principalmente para empresas de varejo, foi uma movimentação crucial. 

Se em 2020 os profissionais do mercado digital tiveram de se reinventar para atender às novas demandas do setor, em 2021 espera-se que eles tragam ainda mais resultados.  

Será cobrado um perfil mais analítico, estratégico e focado 100% na experiência do cliente. 

O consumidor aprendeu a resolver a sua vida online, por isso, o profissional de digital precisa estar sempre um passo à frente para encontrar novas soluções e destacar a sua empresa das demais. 

Com isso, setores de experiência do consumidor, com foco na jornada do cliente junto a marca ou desenvolvimento de novos produtos, estão em alta para 2021. 

Um gerente de produto pode ganhar até R$ 40 mil de acordo com o projeto em que ele está inserido. 

Saúde

Homem usando máscara cirúrgica, jaleco e com um estetoscópio pendurado no pescoço. Ele segura uma prancheta com uma das mãos e com a outra ele confere a etiqueta de uma caixa em um depósito.

A área da saúde tem vagas para profissionais de diversos setores, além dos que já estão na linha de frente. 

Em 2020, hospitais, unidades de saúde e centros de pesquisa viram seus sistemas organizacionais serem modificados para darem conta das demandas de saúde.

Profissionais com foco em crescimento, regularização de produtos e serviços, se tornaram necessários para que o setor consiga enfrentar os novos desafios e se preparar para a retomada do ritmo hospitalar "normal".

Nesse cenário, cargos como gerente de Assuntos Regulatórios ou Gerente Comercial - Medical Service, estão entre os mais requisitados para 2021. 

Os salários podem chegar a até R$ 35 mil. 

Oportunidades também existem para cargos operacionais

Homem sentado em frente a um computador em um escritório. Ele veste uma camisa xadrez e está com um headfone participando de uma ligação.

Segundo uma pesquisa realizada pela Gupy, plataforma de recrutamento, e noticiada pelo portal G1, existe muita demanda em cargos mais operacionais, aqueles que não exigem especializações específicas. 

O varejo, por exemplo, representa 16% das vagas disponíveis no mercado atualmente. O trabalho de vendedor costuma oferecer uma remuneração fixa mensal, além de uma porcentagem sobre as vendas realizadas.

Para os mais jovens e aqueles que não possuem formação universitária, o setor de telemarketing teve um crescimento de 67% nas contratações em 2020, segundo pesquisa do LinkedIn.