Quase 80% dos brasileiros recorreram ao crédito na pandemia

Pesquisa mostra que cartão de crédito foi a forma preferida e que 62% devem voltar a usar algum tipo de crédito no pós-pandemia

Zero
Dívida
Por Redacao PAN

O crédito foi a alternativa usada por 79% dos brasileiros para equilibrarem suas finanças e fazerem compras na pandemia. 

O dado foi revelado por um levantamento feito pela Serasa, que analisa e dá informações de crédito, em parceria com a Opinion Box, empresa de pesquisa online.

O levantamento mostrou que o cartão de crédito foi a fonte mais usada: 62% dos entrevistados o utilizaram no período. 

De acordo com o estudo, o crédito foi usado pelos brasileiros na pandemia principalmente para fazer compras, tanto de itens essenciais como de outros produtos, e para pagar dívidas.

Dessa forma, o estudo mostra que o crédito ajudou, de alguma forma, os brasileiros a lidarem com as situações trazidas pela pandemia. Mas é sempre bom destacar: o uso do crédito deve ser feito com planejamento, para não incorrer em inadimplência e se tornar um problema.

Para evitar a inadimplência, é possível tomar algumas medidas, como negociar o valor com o estabelecimento quando perceber que não será possível pagar, saber exatamente o que está devendo e fazer um planejamento financeiro.

Além do cartão de crédito, o estudo identificou que os brasileiros usaram também:

  • empréstimos com amigos e familiares: 14%

  • cheque especial: 12%

  • empréstimo consignado: 11%

Outro dado trazido pela pesquisa foi que 3 em cada 10 entrevistados recorreram ao crédito 6 vezes ou mais durante o período.

Chamada de “O papel do crédito em um momento de retomada”, a pesquisa ouviu 2.068 pessoas em todas as 5 regiões do país, entre os dias do dia 22 de junho a 2 de julho deste ano. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais e a confiança é de 95%.

Voltar a usar o crédito após a pandemia

Mulher de blusa coral sentada em uma poltrona azul em um ambiente doméstico olha para o cartão bancário que segura na mão direita; na esquerda, ela tem um celular preto

Além de constatar quantos brasileiros usaram o crédito na pandemia, o estudo mostrou ainda que 62% das pessoas responderam que pretendem continuar a usar crédito no pós-pandemia. 

Do total de pessoas que querem continuar com essa fonte de recursos, 40% dizem que o cartão de crédito será sua principal fonte.

Em seguida, essas pessoas apontaram empréstimo pessoal sem garantia, empréstimo consignado e financiamento. 

A pesquisa mostra que a tomada de crédito deve continuar a ser feita com a finalidade de comprar itens essenciais e pagar dívidas.

Veja abaixo como ficou a preferência dos entrevistados na hora de tomar crédito no pós-pandemia:

  • Cartão de crédito: 40%

  • Empréstimo pessoal sem garantia: 8%

  • Empréstimo consignado 8%

  • Financiamentos: 8%

Quando bem usado, o empréstimo pode ajudar a realizar sonhos ou sair de uma situação complicada. Por isso, veja os cuidados a tomar na hora de pedir um empréstimo.