Brasileiros sacam mais do que depositam na poupança pelo 4º mês seguido

O valor de R$ 12 bilhões que foram retirados a mais do que depositados é o 2º maior do ano

Renda
Extra
Por Redacao PAN

Pela 4ª vez consecutiva, os saques da caderneta de poupança superaram os depósitos. Desta vez, em novembro, o saldo negativo foi de R$ 12,37 bilhões, de acordo com relatório mensal sobre a poupança divulgado pelo Banco Central, divulgado nesta segunda-feira (6).

Esse valor resulta de R$ 281,713 bilhões em depósitos e R$ 294,090 bilhões em saques da aplicação mais popular dos brasileiros. Os rendimentos do mês alcançaram R$ 3,648 bilhões.  

Este foi também o 2º pior resultado de 2021 e o pior saldo para um mês de novembro desde o início da série histórica, que começou em 1995.  

O volume total na poupança, que era de R$ 1,031 trilhão em setembro e tinha caído para R$ 1,027 trilhão em outubro, agora é de R$ 1,018 trilhão. 

Poupança: saldo negativo de R$ 43,15 bilhões no ano
Imagem mostra as mãos de uma mulher negra retirando cédulas de um caixa eletrônico, sendo as cédulas de cima no valor de R$ 50. Abaixo, é possível perceber que há diversas cédulas de R$ 20

A caderneta de poupança teve mais retiradas do que depósitos nos 3 primeiros meses deste ano. 

Depois, registrou mais aplicações do que saques por 4 meses, quando o pagamento do auxílio emergencial, voltado para pessoas que tiveram a renda afetada pela pandemia, foi retomado. 

Mas em agosto o investimento voltou a ficar com o que o Banco Central chama de saldo negativo, ao ter mais saques que depósitos, e seguiu da mesma forma nos meses de setembro, outubro e, agora, novembro.

Veja abaixo o resultado da poupança neste ano, mês a mês: 

No acumulado do ano, os saques superaram os depósitos em R$ 43,15 bilhões. Ou seja, os brasileiros tiraram mais dinheiro do que aplicaram nesse tipo de investimento. 

Nos 3 primeiros meses do ano, houve retirada de R$ 25,542 bilhões a mais do que aplicações no investimento. Foi o período em que não houve pagamento do auxílio emergencial, que acabou em dezembro de 2020 e só voltou a ser pago em abril. 

Rentabilidade da poupança
Um homem e uma mulher estão sentados lado a lado. Na frente do homem, que está de óculos e camisa social jeans azul clara, há um laptop aberto sobre a mesa. Ele está olhando para a mulher, que mexe numa calculadora, também sobre a mesa. Ela está mexendo na calculadora com o dedo indicador da mão direita, enquanto a mão esquerda segura uma caneta. Há um caderno na mesa. 

 A caderneta de poupança é um investimento tradicional e muito buscado pelos brasileiros. Para depósitos feitos depois de maio de 2012, ela rende 70% da taxa básica de juros, a Selic, quando essa estiver abaixo de 8,5% ao ano. 

Como a taxa está em 7,75% ao ano neste momento, o rendimento da poupança corresponde a 5,43% ao ano, ou aproximadamente 0,44% ao mês. 

Com esse rendimento anual, a poupança está perdendo para a inflação oficial do país, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), que acumula variação de 10,67% nos 12 meses terminados em outubro.

Entenda, enfim, como a educação financeira e planejamento financeiro podem te ajudar a sair do vermelho ou a formar uma reserva de emergência.