Saiba como funciona o financiamento de uma moto e quais são as vantagens

Financiar sua motocicleta é uma boa alternativa para comprar esse bem se não tiver o valor total à vista

Mais crédito
para você
Por Redacao PAN

A motocicleta é uma alternativa interessante para quem quer um veículo próprio, seja para deixar de usar o transporte público, seja para trabalhar. Quando uma pessoa não possui o valor total para pagar pelo bem à vista, ela pode recorrer ao financiamento de moto.

Com esse recurso, ninguém precisa mais juntar dinheiro durante meses para só então adquirir uma motocicleta. Afinal, assim como em outros financiamentos, quem financia sua moto sai com ela na hora após finalizar os trâmites financeiros.

Financiar permite acessar linhas de crédito com condições de pagamento que cabem no bolso. Também dá pra comprar o veículo em lojas multimarcas, como acontece no Banco PAN, parceiro de financiamento de veículos de mais de 20 mil lojas pelo Brasil.

O que é financiamento de moto?

O financiamento de motocicleta é um tipo de empréstimo no qual um banco ou instituição concede crédito a quem quer comprar a moto. Dessa forma, é possível adquirir o bem à vista na concessionária ou loja parceira da instituição.

A dívida deverá ser paga para a instituição ou banco. Por isso, é assinado um contrato entre quem precisa do dinheiro para a finalidade específica de comprar uma motocicleta e o banco que emprestará o dinheiro para essa aquisição.

Esse recurso também é chamado no mercado de Crédito Direto ao Consumidor (CDC) e é uma das principais formas de financiar motos, carros e outros veículos.

Como funciona o processo de financiamento de moto?

foto de um homem sorrindo enquanto segura chave, sentado em cima de moto preta. O homem é branco, tem cabelo preto liso e veste camiseta branca. Ao fundo, janelas e teto branco.   

Para financiar uma motocicleta, o passo a passo geralmente é bem simples e começa depois de uma boa pesquisa para comparar não apenas os preços das motos, mas também as condições de financiamento oferecidas no mercado. Depois disso:

  1. Vá até a concessionária do seu interesse para escolher a moto, ou vá até a instituição financeira e veja se ela tem parceria com concessionárias, como no Banco PAN;
  2. Depois, reúna os documentos pedidos pela instituição e converse veja as condições apresentadas em relação a juros, taxas, valor de parcelas, possíveis descontos ao dar entrada, entre outras;
  3. O banco fará uma análise de crédito para avaliar se é possível conceder o financiamento e em quais condições;
  4. Após a aprovação, assine os documentos;

Pronto, já é possível sair pilotando sua moto!

Vantagens do financiamento

Um dos principais benefícios do financiamento de moto é que ele dispensa a necessidade de compradores estarem com o valor total do veículo na mão para comprá-lo à vista. Além disso, não é preciso juntar dinheiro por meses ou anos para adquirir a moto.

Existe inclusive a possibilidade de financiar a moto sem precisar dar uma entrada. Só é bom lembrar que, nesse caso, os juros cobrados na dívida podem ficar mais altos, o que aumenta também o valor da parcela.

Além disso, depois de pesquisar e olhar todos os custos e taxas envolvidos nos financiamentos de diferentes bancos, é possível obter taxas mais baratas do que outras modalidades de crédito, como empréstimos pessoais.

Ao mesmo tempo, o financiamento permite escolher um valor de prestação que caiba no orçamento doméstico, sem comprometer o pagamento das contas e de outras dívidas. Dessa maneira, o controle de gastos não ficará prejudicado.

Outra vantagem do financiamento de moto é que você tem até 48 meses para pagar, caso faça no Banco PAN.

Cuidados na hora de financiar

foto de uma pessoa, que aparece do pescoço para baixo, com capacete debaixo do braço direito, enquanto olha papéis que estão sobre mesa. A pessoa veste roupa preta de motociclista.

O financiamento de motos é uma boa alternativa para adquirir esse tipo de veículo. Porém, é fundamental tomar alguns cuidados e ter atenção para os seguintes aspectos antes de fechar um contrato para financiar motocicletas:

  1. Tome cuidado com golpes: evite pagar valores antecipadamente e só compre depois de ver a moto, além de buscar sempre concessionárias e instituições financeiras conhecidas;
  2. Faça um bom planejamento financeiro para ter condições de arcar com os valores mensais das prestações do financiamento, assim você não corre o risco de ficar inadimplente;
  3. Não se esqueça da taxa de financiamento: ela influencia no custo de aquisição do veículo e, se for alta demais, o valor a ser pago pela moto poderá ser mais alto do que o imaginado;
  4. Olhe o Custo Efetivo Total (CET) do financiamento: ele está presente em todas as operações relacionadas a crédito e indica o valor que realmente deverá ser quitado, já considerando taxas de juros e outras;
  5. Lembre-se de que a manutenção de uma moto também traz despesas, como combustível, manutenção, compra de acessórios para usar a motocicleta etc. Veja como esses valores podem impactar o orçamento doméstico.

 Além do financiamento de moto, é possível também comprar um automóvel por meio desse recurso. Tire suas dúvidas sobre como comprar um carro por meio do financiamento!