Como proteger sua conta digital de fraudes e golpes na internet

Mesmo com toda a segurança das contas digitais, é importante que você também tome precauções para não cair em golpes

Controle
Seus Gastos
Por Redacao PAN

Existem diversos golpes na internet que tentam acessar informações pessoais dos mais diversos tipos, como aquelas usadas nas contas digitais. Por isso, é importante ter cuidado para não cair em fraudes que podem levar o dinheiro da sua conta embora.

Por mais seguras que as contas bancárias digitais sejam, é preciso complementar a proteção delas com atitudes que dificultam a ação de criminosos. Eles não estão de brincadeira:

Tudo isso indica como é importante que clientes dos bancos digitais atuem para manter seus dados em segurança, sem dar espaço para criminosos aplicarem fraudes e golpes. 

Mas a conta digital é segura?
foto destaca mãos de uma pessoa que segura um smartphone que mostra na tela a área de cartão de crédito da conta do Banco PAN

Sim, a conta digital é segura. Os bancos digitais são supervisionados pelo BACEN (Banco Central), assim como os bancos tradicionais. Por isso, eles também obedecem a todas as regras da entidade para oferecer segurança aos clientes.

Ainda há determinações do CMN (Conselho Monetário Nacional) no sentido de manter a segurança das contas e transações bancárias e manter políticas de segurança cibernética, que valem tanto para bancos tradicionais quanto para os digitais. 

Também devemos citar a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), que estabelece diversas exigências relacionadas à segurança da informação. Os bancos também atuam de acordo com essa lei para que seus dados financeiros estejam sempre protegidos.

O investimento das instituições com tecnologia alcançou R$ 25,7 bilhões em 2020, segundo pesquisa da Febraban (Federação Brasileira de Bancos. O mesmo levantamento revelou que 10% do orçamento de TI das instituições é voltado para a cibersegurança, para garantir transações com total segurança.

Além disso, as contas digitais contam com tecnologias de segurança como a criptografia, que faz com que dados bancários sejam codificados para impedir a leitura ou uso de informações de clientes por parte de criminosos.

Só que eles podem aplicar golpes a partir de situações comuns, como no pagamento de compras presenciais ou quando alguém utiliza sua conta digital em locais públicos. Por isso, é importante tomar cuidados que complementam a segurança das contas digitais.

7 dicas para proteger sua conta digital de golpes na internet

  1. Use recursos de segurança

foto de um homem segurando smartphone sentado na sala de casa. O homem é branco, tem cabelo e barba pretos, usa óculos e jaqueta cinza com calça bege. Ao fundo, sofá e itens de sala de estar.

Recursos como reconhecimento facial, biometria e verificações em 2 etapas, seja com recebimento de SMS, seja com uso de programas ou apps das próprias contas digitais, ajudam a deixá-las mais seguras e complementam o uso das senhas.

Ao ativar ferramentas como essas, é possível dificultar o acesso de terceiros para uma conta, pois será necessário passar por mais uma camada de segurança para liberar a entrada.

É possível que, por descuido, alguém deixe a tela do smartphone desbloqueada enquanto acessa a conta digital, seja para fazer algum pagamento em estabelecimento comercial ou para mandar um PIX, por exemplo.

Só que isso dá a chance para alguém olhar a tela ou, pior ainda, acessar o aplicativo ou site da conta caso roube o celular, por exemplo. Por isso, não deixe a tela do aparelho desbloqueada por muito tempo. 

É possível mexer nas configurações do smartphone e habilitá-lo para bloquear a tela sempre após alguns segundos sem uso, por exemplo. Também dá para configurar o app para que sempre solicite senha ou biometria após ele ser fechado.

  1. Não dê o celular desbloqueado a ninguém

foto destaca as mãos de uma mulher enquanto ela entrega o celular para um homem. Eles só aparecem do pescoço para baixo e diante deles está uma mesa com xícara e pires.

Além de ter cuidado com a tela do aparelho, é fundamental nunca dar o smartphone para alguém sem que ele esteja bloqueado. Quem não faz isso abre uma porta para que qualquer pessoa tente entrar nos apps financeiros.

Por isso, nunca dê o celular para alguém com a tela desbloqueada, mesmo que seja para alguém de confiança. O mesmo vale durante o pagamento de comida por delivery ou ao usar o celular em comércios, por exemplo.

Sempre que terminar de usar a sua conta digital no celular, feche o aplicativo. Como falamos antes, também é bom configurar o app para que sempre exija a senha e, se houver essa opção, a biometria após ser fechada.

Com isso, mesmo que alguém consiga entrar no seu celular com a tela desbloqueada, terá dificuldade em entrar no aplicativo da conta digital.

  1. Mantenha a conta digital atualizada

É essencial manter os aplicativos de suas contas atualizados, pois cada atualização traz novos recursos que aumentam a segurança do app e evitam golpes recentes desenvolvidos pelos criminosos.

Também é importante manter os dados da sua conta atualizados, especialmente as informações de contato. Isso porque, diante de qualquer problema ou tentativa de acesso indevido à sua conta, o banco pode recorrer às informações de contato para falar com você.

Deixe telefone e e-mail atualizados para que, diante de qualquer situação inesperada ou suspeita, o banco consiga confirmar com você se uma determinada operação é legal ou se é uma tentativa de golpe.

  1. Confira se o app ou site conta digital são os oficiais

É comum precisar reinstalar aplicativos no celular, porém deve-se ter cuidado para não acabar baixando um app que seja falso e tente se passar pelo aplicativo verdadeiro da sua conta digital.

Logo, sempre veja se o app é realmente do banco digital no qual você possui conta. No caso do Banco PAN, os aplicativos oficiais, para iOS e Android, podem ser acessados pelos botões abaixo:

apple.png google.png

Como também é possível acessar uma conta digital pela internet, olhar se o site é seguro e se realmente é o oficial do banco contribui para não acessar páginas falsas que só querem roubar os seus dados bancários e seu dinheiro.

  1. Não repasse informações da conta

Alguém pediu para ver a tela do seu celular? Recebeu uma mensagem pedindo uma foto (ou print) da sua conta digital para resolver um problema? Tudo isso pode fazer parte de táticas de criminosos para acessar suas informações bancárias e aplicar um golpe.

Logo, tenha cuidado com as informações da conta e não repasse senhas ou fotos de telas, por exemplo. Isso vale para contatos via ligação telefônica, aplicativos de mensagens, redes sociais e outros canais que não sejam os canais oficiais de atendimento do banco.

infográfico com trechos do texto em forma de lista sobre como proteger sua conta digital de fraudes e golpes na internet, em cores azul e branca

Quer uma conta Digital completa, 100% grátis e cheia de vantagens? Abra a sua no Conta Digital gratuita PAN!