Dinheiro emprestado: saiba como e quando pedir

Identifique situações em que o empréstimo vai ajudar em sonhos ou a sair de situações difíceis e os cuidados a tomar

Mais crédito
para você
Por Redacao PAN

   

Pedir dinheiro emprestado não deve ser motivo de vergonha e existem diversas situações nas quais essa grana é necessária. 

Porém, é bom tomar cuidado para não pedir dinheiro emprestado sem necessidade ou se tiver outras opções para obter recursos à sua disposição. Além disso, é fundamental recorrer a fontes seguras de crédito, para evitar dores de cabeça depois.

Por isso, não é indicado pedir grana emprestada para amigos, familiares, conhecidos ou outras pessoas. Isso porque as instituições financeiras e bancos contam com a segurança necessária para emprestar dinheiro de acordo com a lei, enquanto as pessoas físicas não podem fazer isso de maneira oficial.

Além disso, essas empresas contam com diversos produtos e serviços de crédito, cada um com características diferentes, que atendem às mais variadas necessidades. Logo, é importante entender as situações que demandam pedir crédito e as opções para fazer isso.

Quando pedir dinheiro emprestado? 

Homem lê papéis apoiado em bancada de cozinha. Ele é branco, tem cabelos grisalhos, usa óculos e veste camiseta branca e calça jeans. Ao fundo, itens de cozinha e janela.

Existem diversas situações nas quais pedir dinheiro emprestado pode ser a melhor saída para resolver um problema. É o caso de fatos inesperados como:

  • Uma questão de saúde com você ou com alguém da sua família, que demanda atuação rápida e compra de remédios ou mesmo realização de cirurgias ou internações;

  • Quando o seu carro quebra e é necessário arcar com custos de guincho, conserto, compra de peças, entre outros, especialmente se o veículo é utilizado diariamente pela família ou para obtenção de renda em aplicativos de transporte;

  • Em casos nos quais o orçamento doméstico está tão comprometido com outras dívidas, que os boletos consomem grande parte dos seus rendimentos, a ponto de comprometer o pagamento dessas dívidas e das despesas mensais;

  • Diante de situações de desastre natural, enchentes, geadas ou outras que tragam danos materiais e que demandem conserto ou compra de móveis, maquinário novo, mercadorias, insumos etc.

  • Quando é necessário um valor financeiro alto para tornar um sonho realidade, como realizar uma reforma importante em casa, mobiliar uma residência, fazer uma grande viagem a lazer ou para estudos, abrir o próprio negócio, entre outros.

Ou seja, sempre que estiver diante de uma situação na qual é necessário arcar com custos que superem a sua capacidade financeira atual, uma alternativa é pedir dinheiro emprestado. São várias opções no mercado para quem busca crédito.

6 opções para conseguir dinheiro emprestado 

Mulher escreve com caneta em papel. Ela é branca, tem cabelo preto liso e veste camisa branca. Ao fundo, em desfoque, paredes de sala.

  1. Empréstimo consignado

O empréstimo consignado é o recurso de crédito no qual as parcelas da dívida são descontadas de forma automática da aposentadoria, benefício ou salário.

Isso faz com que as taxas de juros sejam mais baixas em comparação a outras modalidades de crédito.

Ele é voltado para aposentados e pensionistas do INSS, servidores públicos municipais, estaduais e federais, militares e pensionistas das Forças Armadas e trabalhadores de empresas que têm convênio com instituições financeiras que concedem esse tipo de empréstimo.

  1. Empréstimo pessoal

Tipo de empréstimo comum que permite a alguém pedir grana e, após aprovação do banco ou instituição que concederá o crédito (chamada de credora), receber o dinheiro na conta. Ele pode ser contratado ao abrir uma conta digital, por exemplo, mas depende de análise de crédito por parte da instituição.

O cheque especial é um crédito pré-aprovado disponibilizado por bancos para alguns clientes, que podem usar os valores caso o saldo em conta corrente acabe. O dinheiro é usado como um limite além do saldo na conta. No PAN, ele é chamado de limite emergencial.

  1. Empréstimo pessoal com garantia

O empréstimo com garantia é como um empréstimo pessoal, só que exige o uso de um bem para assegurar o pagamento da dívida. Dessa forma, se a pessoa ficar inadimplente, corre o risco de perder o bem, como carro ou imóvel.

  1. Penhor

O penhor é um empréstimo feito quando alguém transfere a posse de um bem para garantir que vai quitar a dívida. Quando ela é paga, a propriedade volta a ser de quem pegou o dinheiro emprestado.  

  1. Antecipação da restituição do Imposto de Renda

É possível conseguir grana ao antecipar valores da restituição do Imposto de Renda. Com isso, você obtém os recursos sem precisar aguardar a liberação do dinheiro pela Receita Federal. O valor deve ser pago até o mês de dezembro do ano de depósito da restituição.

O que você deve considerar antes de pedir grana emprestada

Homem segura o queixo com a mão e olha levemente para a esquerda, com olhar pensativo. Ele é negro, tem cabelo curto e cavanhaque e usa camiseta roza. Ao fundo, parede de cor azul e ícones de cifrão 

Um empréstimo é uma alternativa que ajuda a obter dinheiro, porém não é a única opção para quem está em busca de grana. Além disso, é importante tomar algumas precauções antes de aceitar uma oferta de empréstimo. Antes de fazer isso, avalie pontos como:

  • Outras opções para obter dinheiro, como redução de gastos ou trabalhos para gerar uma renda extra no orçamento;

  • Os juros de empréstimo, optando pela oferta que tenha taxas mais baixas;

  • O CET (Custo Efetivo Total), que traz o valor que realmente deve ser quitado por quem pede empréstimo ou faz financiamento;

  • O valor que é realmente necessário utilizar, sem pedir dinheiro emprestado a mais sem precisar, pois a dívida pode ser maior do que a capacidade de pagamento;

  • O valor da parcela e o prazo de pagamento, para que a prestação caiba no bolso e para que tudo seja quitado o quanto antes.

Com esses cuidados, é possível pedir grana emprestada sem se enrolar em dívidas ou com a inadimplência depois. Por falar nela, veja 3 dicas práticas para evitar essa situação.